Biosul - Associação dos Produtores de Bioenergia do Mato Grosso do Sul Biosul - Associação dos Produtores de Bioenergia do Mato Grosso do Sul

Produção de cana atinge 46,4 milhões de toneladas em MS

quinta, 24 de janeiro de 2019 às 13h36
Com encerramento oficial da safra em 31 de março, a expectativa é atingir em breve o mesmo volume de cana processada na safra passada

 
Por Biosul


Já na reta final da safra 2018/2019, a moagem de cana-de-açúcar em Mato Grosso do Sul alcançou 46,4 milhões de toneladas. O volume registrado até 15 de janeiro é 6% maior com relação ao mesmo período da safra anterior.

Com encerramento oficial da safra no mês de março, a expectativa é atingir em breve o mesmo volume de cana processada na safra passada que foi de 46,9 milhões de toneladas. “Nesse momento estamos a 400 mil toneladas do total de cana processada na safra anterior. Acredito que será possível atingir o mesmo volume, já que em Mato Grosso do Sul, diferente dos outros estados, temos usinas operando até 31 de março”, afirma o presidente da Biosul, Roberto Hollanda Filho.

Na segunda quinzena de janeiro, duas das 19 usinas permanecerão moendo no Estado, momento em que a maioria dos Estados produtores do Centro Sul já encerraram a safra atual.

Etanol e Açúcar

A produção de etanol hidratado atingiu 2,3 bilhões de litros, volume 45% maior com relação ao mesmo período do ano anterior. Por outro lado, a produção do etanol anidro segue com queda de 9% com a produção de 766 milhões de litros, 76 mil litros a menos que no ciclo anterior. No total, o Estado produziu mais de 3,1 bilhões de litros de etanol, volume recorde de produção.

De acordo com o acompanhamento da Biosul, a produção de açúcar permanece em baixa, com recuo de 35%. No período acumulado, foram produzidas 933 mil toneladas, enquanto que no mesmo período da safra anterior a produção foi de 1,4 milhão de toneladas.

O mix de produção se mantém no período com 84% da cana destinada a etanol e 16% a açúcar.

ATR

No período acumulado da safra, a quantidade de concentração de Açúcares Totais Recuperáveis (ATR) por tonelada de cana foi de 134,13 kg, 2,7% acima do registro na safra passada.

Imagem: Divulgação/Biosul